Fuscas para todos os gostos e ação solidária embalam o DNF 2020 em Curitiba

Fuscas para todos os gostos e ação solidária embalam o DNF 2020 em Curitiba

Hoje, 20 de janeiro o Fusca completa 61 anos desde a primeira unidade fabricada no Brasil. E para comemorar a data, o Volkswagen ganhou uma festa de gala, neste domingo (19), em Curitiba.

O Dia Nacional do Fusca 2020 (DNF) levou para a Ceasa-PR, no Tatuquara, mais de 2,2 mil pessoas e quase 900 veículos. Exemplares do carro mais popular do mundo eram maioria, mas ele teve convidados ilustres, como Kombi, Brasília, Variant, Gurgel, Puma, entre outros.

No local, o Fuqui circulou com diversos estilos e de diferentes épocas. Havia muitos originais, para a alegria de colecionadores e puristas, e outros tantos customizados ou vestidos com acessórios bastante inusitados, como mostra a galeria de imagens no fim da matéria.

VEJA TAMBÉM

VÍDEO: Dia Mundial da Kombi 2020 em Curitiba contado por quatro histórias curiosas

Fusca estilo “Rato”

dia nacional fusca dnf
Eric e seu Fusca 1968 estilo Rats. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

Um deles ganhou não só os olhares dos visitantes, como também de representantes da Bebidas Cini e da Luson Volkswagen, apoiadores do DNF 2020, ao lado da Ceasa-PR, e responsáveis por escolher os carros destaques da confraternização.

O Fusca 1968, de Eric Antônio de Lima, 31, de Curitiba, é o tipo de veículo que um motorista comum evitaria entrar, muito menos sair acelerando. Porém, para os adeptos do estilo Rat (“Rato”), é um belo representante.

dia nacional fusca dnf
Fusca 1968 estilo Rats. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com
dia nacional fusca dnf
Fusca 1968 estilo Rats. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

Pintura desbotada, carroceria envelhecida e corroída, para-choques enferrujados e interior sem forração alguma são características que criam este conceito de “carro abandonado”.

No DNF havia inúmeros deles, contudo o de Eric foi quem faturou o prêmio de “Mais Rats – Tipo Tétano” do evento. “Quando comprei há um ano, ele tinha pintura verde normal. Fui arrancando a massa, lixando a lataria, tirei bancos, calotas e para-choques”, ressalta o proprietário.

dia nacional fusca dnf
Fusca 1968 estilo Rats. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

Para chegar ao estágio “deplorável” – o que é um belo elogio neste universo Rats -, Eric conta que o Fusca pousava ao relento. “Moro numa chácara e isso facilita deixá-lo ‘no tempo’ e debaixo de árvores (dejetos de passarinhos são bem corrosivos!)”, relata o dono, que ainda possui outros quatro Fuscas, um deles totalmente lixado, e também cinco Kombis.

Fusca Itamar de R$ 78 mil

dia nacional fusca dnf
Edson Luiz Di Bernardi e seu Fusca customizado. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

Outro exemplar que deixou o público boquiaberto, mas pelo visual impecável e moderno, foi o Fusca “Itamar” 1994, de Edson Luiz Di Bernardi da Luz, 51.

A bela cor vermelha e acessórios típicos de carros atuais levaram o exemplar à conquista do prêmio “Mais Moderno” do DNF 2020.

O modelo, que veio rodando de Florianópolis (SC), é equipado com rodas de liga aro 15, lanternas estilo americana, central multimídia com TV e câmera de ré, volante e pedaleiras esportivas, bancos Recaro, entre outros.

dia nacional fusca dnf
Volante, pedaleiras e bancos esportivas no Fuscão Itamar. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

O dono catarinense revela que já gastou R$ 66 mil para customizar o veículo, adquirido há cinco anos por R$ 15 mil, além de mais R$ 1 mil de frete para trazê-lo de Ribeirão Preto (SP).

“Queria um Fusca com a cor vermelha e só encontrei lá. Somente no interior, gastei R$ 20 mil. Hoje o avalio em R$ 78 mil, no entanto a customização ainda não terminou”, enfatiza Edson Luiz.

A pintura é realçada pelo preto das rodas, para-choque, retrovisores e em detalhes como o trinco do capô e os contornos dos faróis.

O motor é o original 1.6 a álcool, que rendia 59 cv quando foi adquirido por Edson em 2015. No entanto, passou por uma preparação que elevou a potência para 127 cv – e continua aspirado. “Meu primeiro carro foi um Fusca, em 1986. Fiquei dois anos com ele. E esse é o meu segundo Fusca”, revela Edson, com quase 30 anos de lacuna entre as duas aquisições.

Fusca “de mais longe” no DNF

dia nacional do fusca
Casal Daniel e Thayna Chaves segura o minitroféu ganho no DNF. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

Apesar de a maioria esmagadora dos expositores ter Paraná e Santa Catarina como procedência, a quem tenha vindo de mais longe para não perder as comemorações do Dia Nacional do Fusca.

O casal Daniel e Thayna Chaves saiu de Vacaria (RS), distante mais de 500 km de Curitiba, com seu Fusca 1964 cinza grafite. Foi a distância mais longa percorrida por um expositor na edição 2020, o que fez a dupla faturar o prêmio nesta categoria.

“O estilo do carro é conhecido como Euro Look. Está com a gente há cinco anos e tem ainda companhia de uma Variant e uma Kombi, ambas 1975”, informa Thayna, que é nascida no Tocantis, enquanto Daniel é natural do Maranhão. O casal está de mudança para Piraquara, na Grande Curitiba.

Fusqueiros de Curitiba em peso

Clube Fusqueiros de Curitiba sempre uniformizados. Foto: Renyere Trovão/ TrovãoMotor.com

O DNF é local de confraternização em família. E neste caso a família é formada por 14 integrantes e outros agregados. Trata-se do clube Fusqueiros de Curitiba, fundado há três anos.

Os amigos, donos do modelos fabricados de 1969 a 1982, têm a costume de ir uniformizados para os eventos automotivos. Por isso quando tem premiação para o grupo mais numeroso, a turma é forte candidata a ficar com o título, como aconteceu no DNF 2020.

“Também levamos o troféu como o maior grupo uniformizado em Piên (interior do Paraná)”, destaca Júlio Figueiredo, presidente do Fusqueiros de Curitiba.

DNF da solidariedade supera meta

Como é de praxe nos eventos organizados pelo Volks SJP – VW Ar (o DNF é a primeira edição sob a sua batuta), a motivação beneficente permeia o encontro. Dessa vez o público e participantes poderiam trazer 1 caixa de leite UHT para doação, uma vez que não há cobrança de entrada ou para a exposição.

A intenção era passar das 1 mil unidades arrecadadas, meta que foi atingida para a alegria não só dos responsáveis pelo DNF, mas, principalmente, das 150 famílias carentes beneficiadas com o gesto de solidariedade e que integram o programa Banco de Alimento da Ceasa.

dia nacional fusca dnf
Marines Cobbo (ao centro, de vestido) e representantes da Bebidas Cini com as caixas de leite arrecadadas. Foto: DNF/ Divulgação

“Foi um dia Incrível e inesquecível. Um dia de festa com um bom propósito.
Que cada caixa de leite arrecadada seja revertida em paz e saúde a todos que contribuíram e para os que receberão esta doação”, agradece Marines Vieira Cobbo, uma das responsáveis pelo Dia Nacional do Fusca deste ano.

Outras imagens do DNF 2020 Tamo Junto

LEIA MAIS

⚡ Último Fusca produzido no mundo é vendido no Brasil por R$ 329 mil

 Volkswagen começa a vender Polo e Virtus GTS; veja preços

⚡ VW Nivus será o nome do futuro crossover do Polo

Golf GTE abre lista de híbridos e elétricos da Volks no Brasil

Leave your Comments